O cantor Tony Carreira falou pela primeira vez sobre a tragédia que assolou a sua família depois de a sua filha Sara ter morrido num acidente de viação.

Três semanas após a morte de Sara Carreira na A1, o artista agradece a todas as pessoas que amaram a sua filha "durante o pouco tempo que viveu entre nós".

Quem teve o privilégio de a conhecer e privar com ela sabe o quanto era fácil amá-la. Era uma menina-mulher com um coração gigante, de uma bondade inexplicável e sempre pronta a ajudar quem cruzasse o seu caminho", afirmou numa publicação no Instagram.

Tony Carreira agradece ainda o ecoar das mensagens de apoio e carinho, tal como todas as homenagens dedicadas à sua "princesa". 

Não há palavras que possam expressar a saudade e a dor que sinto... Saudade e dor que viverão comigo até ao meu último suspiro! Foram tantas vezes que eu disse à Sara: Se um dia te acontecer alguma coisa eu morro! E morri...", sublinha.

Carreira deixa ainda o pedido à comunicação social que respeite o luto de toda a família, aproveitanto a publicação para desejar a todos os seus fãs um Santo e Feliz Natal.

Sara Carreira, de 21 anos, morreu vítima de um acidente de viação no dia 5 de dezembro e que envolveu quatro veículos ligeiros na Autoestrada (A1), entre os nós de Santarém e do Cartaxo.

Leia também: