Foi detetada legionella no Hospital Distrital da Figueira da Foz, mas não há casos registados nem "em doentes nem em trabalhadores".

O Departamento de Saúde Pública da ARS Centro informou a Direção Geral de Saúde que existiu uma análise positiva, a 17 de julho, para a Legionella Pneumophila em amostra de água. No âmbito da mesma investigação fizeram-se análises em mais dois pontos distintos da rede de água, que se revelaram negativas.

Em resposta enviada à TVI, a Direção Geral de Saúde diz também que "não há qualquer caso identificado de pneumonia a Legionella Pneumophila, quer em doentes quer em trabalhadores" e refere as medidas tomadas pelo Hospital: "Encerramento dos chuveiros no local da colheita, reforço das medidas de higienização e desinfeção das instalações e equipamento hoteleiro, realização de choque térmico na rede e circuito dedicado de água quente".

Para os próximos dias estão agendadas novas colheitas de controlo. A colheita foi realizada no âmbito do Programa de Intervenção Operacional para a Prevenção Ambiental de Legionella em Unidades Prestadoras de Cuidados de Saúde (PIOPAL).

Manuela Micael