O Centro Hospitalar Barreiro Montijo anunciou que pretende assim permitir o acolhimento de doentes de outras unidades hospitalares do Serviço Nacional de Saúde (SNS), dado "o aumento de procura de cuidados de saúde própria do período do ano que atravessamos".

Neste contexto, o Centro Hospitalar Barreiro Montijo em estreita articulação com a Administração Regional de Saúde Lisboa e Vale do Tejo ativou uma enfermaria de contingência no Hospital do Montijo, com o objetivo de receber doentes de outras unidades hospitalares do SNS, com alta clínica, referenciados e a aguardar vaga para a Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados", refere o comunicado enviado à Agência Lusa.

Ao acolher doentes que esperam vaga em Cuidados Continuados, o Centro Hospitalar, que integra o Hospital do Barreiro e o Hospital do Montijo, salienta que pode-se assim libertar camas para "assistência a doentes agudos e dessa forma dotar as unidades hospitalares de maior capacidade de internamento".

O presente projeto foi já operacionalizado com a admissão nesta unidade do Montijo de doentes transferidos do Hospital Garcia de Orta, e decorrem neste momento negociações com o Centro Hospitalar de Setúbal no sentido de poderem ser também recebidos doentes daquela unidade hospitalar", acrescenta o comunicado.