O hospital de Cascais realizou este ano mais de 2.000 partos, afirmam os responsáveis da unidade de saúde, mostrando que foi ultrapassada a barreira dos 1.500 partos anuais, noticia a Lusa.

Nesta terça-feira, o ministro da Saúde, Paulo Macedo, reconheceu que as maternidades com menos de 1.500 partos por ano não deveriam estar a funcionar, admitindo o encerramento e a fusão destas unidades.

Segundo dados da Direcção Geral da Saúde referentes a 2009, havia 13 unidades de saúde com menos de 1.500 partos por ano, entre elas o Hospital de Cascais, que tinha realizado 1.100 partos nesse ano.

Mas esta quarta-feira, em comunicado, a unidade hospitalar refere que só entre Janeiro e Outubro de 2011 realizou 2.031 partos, o que corresponde a um crescimento de 37% em relação ao mesmo período do ano anterior.

O hospital frisa ainda que é a maternidade de referência para a população de todo o concelho de Cascais e de oito freguesias do concelho de Sintra.