O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) deteve, no fim de semana, no aeroporto de Lisboa, oito cidadãos estrangeiros com documentos falsificados, quando tentavam viajar para Manchester, em Inglaterra, e Dublin, na Irlanda, informou esta segunda-feira o SEF.

No controlo de um voo para Manchester, o SEF deteve seis passageiros, todos eles com passaporte emitido pela Grã-Bretanha e com substituição da página com os dados biográficos.

No controlo de um voo para Dublin, o SEF detetou dois cidadãos estrangeiros com documentos falsos – um passaporte comum emitido pela Hungria e um Cartão do Cidadão emitido pela Grécia.

Todos os documentos fraudulentos foram entregues às autoridades judiciárias, juntamente com os detidos, segundo o SEF.