Alexandra Borges explicou no Jornal das 8 da TVI que desconhece qualquer tipo de acordo que tenha sido feito entre Maria de Fátima Lemos Moreira e a IURD para alterar a versão dos factos.

A jornalista garante que Maria de Fátima está a mentir e que se esqueceu das provas e testemunhas que demonstram não ter existido qualquer tentativa de manipulação sobre o testemunho inicial.

A coautora da série de reportagens "Segredos dos Deuses" garante que nunca esteve sequer a sós com Maria de Fátima, tendo estado sempre acompanhada por um repórter de imagem.

Em tribunal, Maria de Fátima Lemos Moreira manteve a versão dos factos que deu à TVI, versão que agora diz ser mentira, o que representa um crime de perjúrio e falsas declarações.

A jornalista disse que vai avançar com uma queixa-crime contra a Maria de Fátima por difamação, já no início da próxima semana. 

Alexandra Borges alertou ainda o Ministério Público, já que este é um caso em que uma pessoa mentiu perante um tribunal em variadas ocasiões.