Um homem foi detido pela Polícia Judiciária (PJ) "por sobre ele recaírem fortes indícios da prática do crime de homicídio qualificado", segundo um comunicado enviado pela aquela autoridade, referente à morte de uma idosa que ocorreu este sábado, em Grândola, distrito de Setúbal.

A nota refere que, "desde há cerca de dois anos", o homem mantinha a sua mãe, de 84 anos, "fechada em casa e confinada ao quarto, privada de alimentos, bebida e cuidados de saúde, assistindo impávido ao degradar do seu estado, até à falência total dos órgãos vitais e consequente morte".

O homem, de 52 anos, será presente a interrogatório judicial, onde lhe vão ser aplicadas as medidas de coação.

António Guimarães