Portugal continental e o arquipélago da Madeira apresentam hoje um risco muito elevado de exposição à radiação ultravioleta (UV), de acordo com a informação disponibilizada pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

As ilhas açorianas das Flores, Terceira e São Miguel têm um risco elevado, enquanto a ilha do Faial apenas moderado.

A escala de radiação ultravioleta tem cinco níveis, entre risco extremo e baixo.

Para as regiões com risco muito elevado, o IPMA aconselha a utilização de óculos de sol com filtro UV, chapéu, 't-shirt', guarda-sol, protetor solar e que se evite a exposição das crianças ao sol.

Para as regiões com risco elevado, aconselha o uso de óculos de sol com filtro UV, chapéu, ‘t’shirt’ e protetor solar.

Agência Lusa / HCL