Em Portugal, há carros usados à venda com quilómetros adulterados.

Foi o que aconteceu a Miguel, que comprou um carro com 60 mil quilómetros, mas bastou menos de um mês para começar a ter problemas.

Sem respostas por parte do stand, acabou por pedir o histórico do carro à marca, que o informou que anos antes a viatura já tinha mais de 93 mil quilómetros. O vendedor nunca se responsabilizou e o caso seguiu para a justiça.

Mas, no mundo dos carros, nem só os quilómetros dão problemas.

São vários os compradores que se queixam que as garantias não são respeitadas. No entanto, segundo o Centro de Arbitragem do Setor Automóvel, a garantia legal é de dois anos e não prevê a exclusão de qualquer tipo de peças.

Neste "Livro de Reclamações" conheça alguns cuidados a ter em conta antes de comprar carro e como tornar a garantia legal.

Alexandra Borges