Os distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto e Vila Real estão este domingo sob ‘Aviso Amarelo’ devido à previsão de chuva persistente, por vezes forte, informa o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

O aviso de chuva para os quatro distritos vai estar em vigor até às 12:00 deste domingo, de acordo com a informação publicada no site do IPMA.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera colocou também sob ‘Aviso Amarelo’, até às 00:00, as ilhas açorianas das Flores e do Corvo devido à previsão de vento forte.

O 'Aviso Amarelo', o terceiro mais grave de uma escala de quatro, indica situação de risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.

O IPMA prevê para este domingo no continente céu geralmente muito nublado, com abertas na região Sul.

As previsões apontam para períodos de chuva, em especial nas regiões norte e centro, podendo ser por vezes forte no litoral a norte do Cabo Raso até final da manhã.

Prevê-se ainda queda de neve nos pontos mais altos da Serra da Estrela até meio da manhã.

O vento soprará fraco a moderado de sudoeste, soprando moderado no litoral a norte do Cabo Raso até meio da tarde, e forte com rajadas até 70 km/h nas terras altas das regiões Norte e Centro.

Flores e Corvo sob aviso amarelo devido a vento forte

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou as duas ilhas do Grupo Ocidental do arquipélago dos Açores sob aviso amarelo devido a vento forte previsto entre as 18:00 (mais uma em Lisboa) e as 23.00 deste domingo.

O aviso meteorológico do IPMA adianta que para as ilhas Flores e Corvo a previsão é de vento forte de" sudoeste rodando para oeste" devido à passagem de uma superfície frontal fria.

De acordo com as previsões do IPMA para este domingo, no grupo ocidental o vento vai soprar "forte" podendo atingir "rajadas até aos 95 quilómetros por hora" e o mar será "cavado, tornando-se grosso a alteroso".

A autoridade marítima já alertou para o previsível agravamento do estado do mar nas ilhas do grupo ocidental, "especialmente para a ilha do Corvo".

O capitão do porto de Santa Cruz das Flores, Rafael da Silva, adiantou, em comunicado, que é "provável a ocorrência de forte agitação marítima de oeste que pode chegar aos 5 metros, estando associada a ventos fortes de sudoeste e rodando para oeste".

"Recomenda-se à comunidade marítima a adoção de medidas de precaução, verificando e se necessário reforçando a amarração, ou mesmo varando em lugar seguro as embarcações", refere Rafael da Silva.

Á população em geral, a mesma autoridade, aconselha que se abstenha da prática de passeios junto à costa e da prática de atividades lúdicas nas zonas expostas à agitação marítima.

O 'Aviso Amarelo', o terceiro mais grave de uma escala de quatro, indica situação de risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.

O Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores recomenda também que sejam tomadas medidas de autoproteção como a consolidação de telhados, portas e janelas e que se "guardem objetos soltos do jardim" que projetados pelo vento forte "podem causar prejuízos materiais e acidentes pessoais graves".