O Governo vai avançar com testes à covid-19 em todos os estabelecimentos escolares e respostas de apoio à infância, incluindo estabelecimentos privados. A informação foi avançada esta quarta-feira à noite, num comunicado conjunto do Ministério da Educação e do Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social.

Seguindo as orientações da DGS e a orientação conjunta sobre o programa de rastreios laboratoriais para SARS-COV-2 nas creches e estabelecimentos de educação e ensino - e na sequência da autorização de despesa, aprovada em Conselho de Ministros no último domingo, para a realização de testes à COVID-19 a alunos e pessoal docente e não docente - o Ministério da Educação e o Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social irão implementar o processo de testagem em todos os estabelecimentos de ensino e respostas sociais de apoio à infância”, pode ler-se no comunicado.

Questionada pela TVI, fonte do Ministério do Trabalho, da Solidariedade e da Segurança Social confirmou que a medida se aplica também aos estabelecimentos privados. No último domingo, a AEEP - Associação de Estabelecimentos de Ensino Particular e Cooperativo pediu este domingo uma clarificação do Governo sobre testes rápidos à covid-19 para os alunos do ensino privado, e avisou que não se conformará com uma “inaceitável discriminação”.

Os dois ministérios esclarecem que a DGS considera que a utilização de testes rápidos de antigénio periódicos “constitui uma medida adicional às medidas de prevenção da infeção, como o distanciamento, o uso de máscara, a ventilação dos espaços ou as medidas de higiene e etiqueta respiratória, visando uma retoma mais segura das atividades educativas e letivas presenciais”.

Em comunicado, o Governo adianta ainda que o processo é “resultado da articulação com as diferentes entidades envolvidas na operação de testagem, que se têm revelado parceiros inequívocos em todo este processo”.

O processo de testagem em escolas foi desencadeado no final de janeiro, tendo já permitido a realização de mais de 64 mil testes.