Um dos três fugitivos do Tribunal de Instrução Criminal (TIC) do Porto, Hugo Saraiva, foi detido pela PSP na última noite, uma vez mais por furto qualificado e cinco meses depois de ter saído em liberdade.

Um motorista da Uber, que foi abordado durante a madrugada, cerca das 01:30, conseguiu escapar a uma tentativa de assalto por parte do suspeito, trancando-o no carro e entregando-o na esquadra do Infante, no Porto.

Segundo apurou a TVI, o motorista, sem sair da viatura, agarrou o suspeito pelo braço e arrancou, de carro, até à esquadra. Quando ali chegou, a vítima gritou por ajuda e, de imediato, agentes da PSP saíram em seu auxílio e detiveram o suspeito.

Presente a juiz nesta quinta-feira, ficou em prisão preventiva, a medida de coação mais gravosa.

Hugo Saraiva, conhecido como "Schevchenko", de apenas 20 anos mas já com um longo cadastro criminal, protagonizou, em outubro de 2018, juntamento com os tios, gémeos, a fuga do TIC do Porto, quando se encontravam numa cela depois de o tribunal lhes ter decretado prisão preventiva.

O jovem suspeito, juntamente com os tios, que foram condenados, roubavam idosos com posses nas suas casas, atuando sempre no Grande Porto.

Hugo Saraiva cumpriu uma pena de prisão efetiva de nove meses de prisão.

Em outubro de 2018, a detenção do trio depois de ter fugido do TIC do Porto causou polémica, devido à divulgação de fotografias do momento, com os suspeitos expostos e amarrados.