Um homem e uma mulher foram detidos esta quarta-feira no Aeroporto de Lisboa, numa operação da Unidade Nacional de Combate ao Tráfico de Estupefacientes da Polícia Judiciária.

Os suspeitos são estrangeiros e chegaram a Portugal vindos de um país da América do Sul. O homem, de 25 anos, transportava droga no interior do organismo em 105 cápsulas que ingeriu antes da viagem. A mulher, de 29 anos, tinha cocaína diluída num líquido embalado em 10 preservativos, que estavam dissimulados na roupa interior.

As detenções ocorreram no âmbito de investigações distintas, iniciadas recentemente, visando as atividades de grupos organizados que se dedicam à introdução, em território nacional, de consideráveis quantidades de estupefacientes", esclarece o comunicado.

A Polícia Judiciária fala numa "quantidade significativa de cocaína", que seria de 28 mil doses individuais.

Os dois suspeitos foram presentes à autoridade judiciária e aguardam agora a aplicação das medidas de coação.

António Guimarães