A Polícia Judiciária (PJ) anunciou esta sexta-feira que apreendeu 1.500 quilos de cocaína, com elevado grau de pureza, dissimulada no interior de paletes de caixas de banana num armazém de frutas nos arredores de Lisboa.

A apreensão, a cargo da Unidade Nacional de Combate ao Tráfico de Estupefacientes, com o apoio da Diretoria de Lisboa, ocorreu na sequência de uma tentativa de assalto ao armazém onde a droga foi localizada, “sendo que as diligências realizadas pela PJ contaram com a total colaboração dos responsáveis da empresa proprietária do espaço, que prontamente denunciaram a tentativa de assalto”, refere a Judiciária, em comunicado.

A droga em causa, que ao que tudo indica se destinaria a outros países europeus, é proveniente da América Latina e foi transportada até Portugal por via marítima em embarcação que regularmente efetua transportes de frutas. Caso chegasse aos circuitos ilícitos de distribuição, a cocaína apreendida seria suficiente para composição de pelo menos sete milhões e quinhentas mil doses individuais”, acrescenta a PJ

A investigação prossegue a cargo da Polícia Judiciária.