Um cidadão estrangeiro, oriundo do Leste europeu, foi detido em Cascais, após mandado de detenção europeu para extradição, emitido pelo país de origem, por tráfico de droga, informou o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), esta terça-feira.

Em comunicado, o SEF refere que o cidadão estrangeiro foi abordado por inspetores quando se encontrava a circular na via pública sem fazer uso de qualquer equipamento de proteção individual. Ao ser alertado para a obrigatoriedade do uso de máscara na via pública, o cidadão reagiu de "forma alterada contestando as indicações dadas".

Com o infrator não se fazia acompanhar de qualquer documento de identificação, o mesmo foi encaminhado para as instalações do SEF em Cascais, onde foi possível constatar que sobre ele pendia um mandado de detenção europeu.

O detido será agora inquirido no Tribunal da Relação de Lisboa - instância competente para tramitar os pedidos de extradição - para lhe serem aplicadas as medidas de coação enquanto decorre o processo para o extraditar.

O SEF não identifica o país de Leste que emitiu o mandado para extradição.

/ NM