Estão activos trinta incêndios em Portugal. O que lavra em São Pedro do Sul mobiliza mais de 400 bombeiros. Viseu é o distrito onde se verificam os fogos mais preocupantes.

De acordo com o site da Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC), em Candal, São Pedro do Sul, onde morreu um bombeiro esta segunda-feira, estão 414 homens apoiados por 93 veículos.

Em Tabuaço, são 148 os operacionais e 41 os veículos de combate às chamas. Em Montão, Cinfães há um incêndio com três frentes activas.

No distrito de Viana do Castelo há registo de um fogo em Senhora da Saúde, concelho de Ponte da Barca, e outro na localidade de Senhora do Minho, com duas frentes activas.

Em Braga, há fogos no concelho de Terras de Bouro e em Vila Seca, Vieira do Minho, com duas frentes activas.

Vila Real é outro dos distritos afectados, com três incêndios. Um lavra em Borralha, Montalegre, outro em Benegouro, Vila Real, e ainda um terceiro em Santa Eugénia, Alijó.

No Porto, um incêndio está a ser combatido em Volta Grande, Baião. No local estão 92 bombeiros e 23 viaturas.
Redação