Foram apreendidas este domingo, no Alentejo, cerca de 250 peças de vestuário contrafeitas com um valor de mercado superior a 15 mil euros, noticia a Lusa.

De acordo com um comunicado divulgado esta segunda-feira pela GNR, o vestuário foi detectado «num veículo ligeiro de mercadorias, perto da localidade de Alter do Chão, quando era transportada em direcção a Lisboa e após ter levantado suspeitas aos militares que transitavam na mesma via».

Na nota de imprensa, o Comando Territorial de Portalegre esclarece que as peças de vestuário encontravam-se «dissimuladas num carregamento de acessórios e roupas, com destino à venda em feiras e mercados».

O proprietário da mercadoria foi constituído arguido e sujeito a Termo de Identidade e Residência (TIR), ficando a aguardar em liberdade o desenvolvimento do processo.