A Polícia Judiciária (PJ) revelou esta quarta-feira a detenção de um homem e duas mulheres que atraíam compradores para um lote de ouro, mas que acabavam por ficar com as peças e com o dinheiro das vítimas, ameaçando-as com uma arma, avança a Lusa.

Os arguidos, com idades entre os 25 e os 38 anos, apresentavam às vítimas um lote de peças de ouro com cerca de 1,5 quilos, que se propunham vender, contou a PJ.

As vítimas foram roubadas, na residência dos detidos, em Portalegre, mediante a ameaça de uma arma de fogo, quando exibiram para pagamento uma quantia superior a 12 mil euros.