«Foram elas que se atiraram», diz professor





Alunas desistem de queixas