A Fundação Portuguesa do Pulmão (FPP) solicitou esta quinta-feira às autoridades de saúde a inclusão dos doentes com fibrose quística a partir dos 18 anos no grupo prioritário que está atualmente a ser vacinado contra a covid-19.

Segundo a FPP, em causa está o “erro” que deve ser “rapidamente corrigido” de incluir na fase 1 do plano de vacinação, que está a decorrer, apenas as pessoas com esta patologia a partir dos 50 anos, quando a “maioria dos doentes” tem uma idade inferior.

A grande maioria dos doentes com esta patologia tem idade inferior, motivo pelo qual, na prática, nenhum doente com fibrose quística está a ser vacinado. Atendendo à gravidade dos quadros clínicos respiratórios associados a esta patologia esta situação é de todo incorreta”, alertou a fundação em comunicado.

Perante isso, a fundação, que se dedica à área das doenças respiratórias, enviou às autoridades de saúde um “pedido para que este erro seja rapidamente corrigido”, para permitir a vacinação prioritária na fase 1 a todos os doentes com fibrose quística com idade superior a 18 anos.

A agência Lusa pediu ao Ministério da Saúde esclarecimentos sobre este assunto, mas ainda não obteve resposta.

/ MJC