Todos os anos comemos castanhas graças ao São Martinho, no dia 11 de novembro. Mas quem é este santo?

Conta a lenda que, num dia frio de outono do ano 337, um cavaleiro gaulês, chamado Martinho, encontrou na rua, ao frio, durante uma tempestade, um homem que lhe mendigou uma esmola. Martinho, que não trazia dinheiro, rasgou o manto que tinha às costas e deu ao mendigo.

Foi então que um milagre aconteceu. A tempestade desapareceu e as nuvens afastaram-se, destapando o sol e deixando passar os raios quentes que transformaram aquele num dia brilhante.

O cavaleiro deixou o exército e tornou-se monge católico para ajudar os mais desfavorecidos e espalhar a fé cristã pela Europa.

É por esta razão que se conta que nesse dia chegou o “verão de São Martinho”.

Atualmente, celebramos este dia a 11 de novembro, a data em que Martinho foi sepultado em Tours, França.

Em Portugal, festeja-se este dia, em que chega um dia de verão e se afasta o frio do outono, comendo castanhas e bebendo vinho ou água-pé.