Um homem de 30 anos suspeito de ter esfaqueado outro de 28, em Viana do Alentejo, distrito de Évora, provocando-lhe ferimentos graves, vai aguardar julgamento em prisão preventiva, revelou hoje à agência Lusa fonte da GNR.

Segundo a mesma fonte, a agressão ocorreu no domingo, por volta das 06:30, na sequência de uma desavença, tendo uma patrulha da GNR detido o suspeito no local.

A vítima, adiantou a fonte da GNR, foi transportada para o Hospital do Espírito Santo de Évora (HESE) em estado grave e submetida a uma intervenção cirúrgica.

O detido foi posteriormente presente a primeiro interrogatório judicial, tendo a GNR divulgado hoje que lhe foi decretada a medida de coação mais gravosa, a prisão preventiva.