Um incêndio deflagrou esta sexta-feira num prédio na Praceta Padre Floro, na freguesia de Vilar de Andorinho, Vila Nova de Gaia. Segundo o Comando Distrital de Operações de Socorro do Porto, as chamas deflagraram junto às garagens e evoluíram depois para os restantes pisos, obrigando a assistir 13 pessoas que ali se encontravam. Nenhuma precisou de ser transportada para o hospital.

O alerta para o incêndio foi dado às 12:30 e as chamas foram consideradas extintas pelas 15:00.

O incêndio começou numa arrecadação no rés-do-chão e, devido a um "problema estrutural" do prédio - a escada é aberta da cave ao último piso -, o fumo espalhou-se. Fonte dos Sapadores de Gaia disse à Lusa que o fogo acabou por se alastrar a outras arrecadações do edifício, devido à “existência de muito material combustível”.

“Foi equacionada a evacuação do edifício devido à quantidade de fumo”, mas tal acabou por não ser necessário, disse a mesma fonte, referindo ainda que alguns dos 13 moradores foram assistidos devido a “ansiedade”.