Um homem de 21 anos foi detido em Sintra por rapto e violação de um menor, tendo, depois de ser ouvido pelo tribunal, ficado em prisão preventiva, informou, esta segunda-feira, a Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa (PGDL).

Segundo uma nota publicada na página da internet da PGDL, o homem está “fortemente indiciado” pela prática de crimes de rapto e violação agravados, sendo a vítima um jovem de 16 anos com “capacidade intelectual e cognitiva diminuída”.

“O arguido é suspeito de, em julho de 2018, ter praticado atos sexuais de relevo com um menor, depois de o ter retido contra a sua vontade numa arrecadação de um prédio sito na área de Sintra”, refere a nota, acrescentando que lhe foi aplicada a medida de coação de prisão preventiva por se julgar verificado o “perigo de continuação da atividade criminosa”.

O processo encontra-se em segredo de justiça.

/ JGF