Uma mulher de 81 anos que ameaçava o marido com uma arma de ar comprimido foi detida,esta quarta-feira, pela GNR de Viana do Castelo, através do Posto Territorial de Vila Nova de Cerveira.

Segundo a GNR, as armas foram descobertas na sequência de uma denúncia de que o homem, com cerca de 60 anos, estava a ser ameaçado pela mulher, com uma arma de ar comprimido. À TVI24, fonte da GNR confirmou que se trata de um caso de violência doméstica.

"Foi mobilizada imediatamente para o local uma patrulha que, no desenvolvimento das diligências efetuadas, verificou que a suspeita era proprietária de um conjunto de armamento sem autorização legal, o que culminou na sua detenção e na apreensão de fulminantes, invólucros, 6,5 quilos de pólvora para cartuchos, uma pistola de pressão de ar, uma pistola de alarme e uma máquina de carregamento de cartuchos", revela aquela força policial.

A detida foi constituída arguida e presente ao Tribunal Judicial de Vila Nova de Cerveira, para aplicação de medidas de coação.