Seis homens foram detidos em flagrante delito em 18 de junho na freguesia de São Vicente, em Lisboa, por serem suspeitos de tráfico de droga, numa atuação violenta que tinha gerado já várias denúncias, anunciou esta segunda-feira a PSP.

Em comunicado, o Comando Metropolitano de Lisboa (Cometlis) da PSP referiu que as detenções ocorreram através da Divisão de Investigação Criminal, pelas 11:30.

De acordo com o Cometlis, a "ação violenta" do grupo estava a gerar “um sentimento de insegurança no pequeno bairro da zona oriental da cidade, sendo comum a denúncia de inúmeros cidadãos”.

Cumprindo uma série de mandados de busca domiciliária, na sequência das detenções, a PSP aprendeu 281 doses individuais de haxixe, 41 doses individuais de heroína, 21 doses de individuais de cocaína e 1.358,70 euros.

Com idades compreendidas entre os 16 e 28 anos, os homens foram presentes a primeiro interrogatório, tendo-lhes sido decretada a medida de coação menos grave prevista na lei, termo de identidade e residência.

Esta medida é de aplicação obrigatória sempre que um cidadão é constituído arguido. Além da identificação do arguido, ele fica obrigado a comparecer perante as autoridades sempre que a lei o obrigar ou para tal for notificado.

O suspeito fica também sem poder mudar de residência ou ausentar-se dela por mais de cinco dias sem comunicar como pode ser encontrado.

/ CE