Ruben Amorim, treinador do Sporting, em declarações aos jornalistas após o jogo com o Borussia Dortmund em Alvalade:

 [Marco Rose disse que ia beber vinho com Ruben Amorim no final do jogo. O vinho era bom?]

«Em relação ao vinho, trocámos garrafas, mas não bebemos. Não foi apenas um jogo. Foi uma decisão e há sempre um treinador que está chateado e sem paciência para beber vinho. Há que respeitar. Se fosse ao contrário eu também não teria paciência para beber vinho.»

David Marques / Estádio José Alvalade, Lisboa