Ruben Amorim, treinador do Sporting, em declarações aos jornalistas após a vitória sobre o Santa Clara por 2-1:

[Bateu o recorde de Malcolm Allison de invencibilidade no Sporting em 1981/82. Esta é uma equipa fora de série]

«Não acho que seja uma equipa fora de série. Temos sido muito competentes, mas lembro-me de o Sporting ter tido equipas muito mais fortes do que nós somos. Mas muito mais fortes! Lembro-me do 6-3. Não estaria do lado certo, digamos assim [risos]. A equipa era o Paulo Sousa, o Figo, e o Balakov. Nesta equipa que passámos agora, jogavam o Manuel Fernandes, o Jordão e o António Oliveira na frente. Acho que não há comparação.

Gosto muito dos meus jogadores e não os trocava por nada. Mas da mesma forma em que os treinadores dessas equipas eram melhores, os jogadores dessas alturas eram melhores. Os nossos podem crescer, chegar a um patamar muito elevado e há muito talento. Agora, em termos de equipa não temos a qualidade que essas equipas tinham. Há que encará-lo com naturalidade.

Agora, temos muito mérito pela competência que tivemos, fomos justos vencedores na maioria dos jogos e há que continuar. Isso é um motivo de orgulho, não é num clube qualquer, mas mais uma vez sabemos que isto fica na história, mas pode mudar. E há que trabalhar porque temos muito a melhorar.»

David Marques / Estádio José Alvalade, Lisboa