Silas, treinador do Sporting, em declarações na conferência de imprensa após o triunfo sobre o Boavista por 2-0:

«Penso que na primeira parte estivemos melhor. Na segunda, o jogo foi um pouco mais morno, mas sabíamos que era importante marcar na primeira parte e que a frescura física na segunda parte não seria a mesma.

Na segunda parte, a frescura física já não era a mesma, apanhámo-nos a ganhar 2-0 e tentámos controlar um pouco o cansaço, até porque inevitavelmente os jogadores começam a pensar que vamos ter um jogo muito importante na quinta-feira e começam a tirar o pé do acelerador.

O Boavista não foi tão forte na primeira parte como na segunda. Na segunda teve o seu mérito, foi um pouco mais atrevido, mas o jogo esteve sempre controlado por nós.

Com todas as ausências, a equipa conseguiu apresentar-se a um bom nível à mesma e ganhar de forma tranquila. Mas temos de crescer mais. Há aspetos que são pequenos, mas que fazem a diferença e que temos de melhorar. E aos poucos vamos melhorar.

[Jogada perfeita resolver um jogo cedo e ainda conseguir dar descanso a alguns jogadores antes da 2.ª mão da Liga Europa com o Istambul Basaksehir?]

«Acho que sim. Era muito importante marcar na primeira parte e marcar mais do que um, porque o 1-0 é um resultado que a qualquer altura pode dar em nulo. O 2-0 é sempre mais seguro e o ideal era ir para o intervalo no mínimo com 2-0.

Metade da equipa jogou na quinta-feira um jogo de alta intensidade e sabíamos que íamos sofrer a nível físico. Foi o que aconteceu na segunda parte, mas mesmo assim demos uma boa resposta.

Também não jogámos contra equipa qualquer. Jogámos contra uma boa equipa, que vinha de uma sequência de resultados bons: perdeu em casa no último jogo, mas vinha numa sequência de três vitórias e duas delas fora.»

[Já começa a ver-se um Sporting à imagem de Silas?]

«Para aquilo que nos gostaríamos de apresentar, ainda nos faltam algumas coisas mas temos estado em crescendo. Ainda nos faltam algumas coisas, por várias razões. Perdemos muitos jogadores e jogadores importantes para nós e agora temos de começar a reconstruir a equipa. Mas estou contente com o que produzimos na quinta-feira e hoje estou contente porque tivemos muitas trocas e demos uma boa resposta. E são respostas de jogadores que à medida que o tempo passa vamos sabendo que podemos ir contando com eles, o que é muito importante para nós. Queremos contar com todos e hoje já demos alguns minutos ao Geraldes, que não jogava há muito tempo.»

[Sporting mais estável a nível tático e emocional?]

«Ainda podemos melhorar. Sobretudo a nível defensivo há um ou outro aspeto que eu não gostei e em que podemos melhorar e vamos trabalhar neles.»

David Marques / Estádio José Alvalade, Lisboa