O Vizela pediu o adiamento do jogo frente ao FC Porto, dos quartos-de-final da Taça de Portugal, que está agendado para amanhã, apurou o Maisfutebol.

A equipa minhota tem mais de uma dezena de infetados com covid-19, entre plantel e membros do staff, pelo que fez chegar o pedido junto dos dragões e aguarda resposta. 

O clube enfrenta neste momento um surto de covid-19, tendo detetado vários casos nos testes antigénio de rotina. Entretanto, todo o plantel e staff fizeram nesta terça-feira testes PCR, mais fidedignos, e aguardam pelos resultados, que poderão confirmar um aumento do número de casos.

O guarda-redes Ivo Gonçalves e o defesa Aidara já tinham acusado positivo na véspera do último jogo da Liga e estão desde então em isolamento. No entanto, os casos avolumaram-se nos últimos dias.

De referir que, caso não haja acordo entre os clubes, nas provas da Federação Portuguesa de Futebol o jogo só seria adiado se mais de 50 por cento dos jogadores habilitados para competir estivessem impedidos. Entre plantel principal e equipa de sub-23, o Vizela tem neste momento cerca de 30 jogadores inscritos elegíveis para competir, segundo apurou o nosso jornal.

A receção do Vizela ao FC Porto está marcada para esta quarta-feira, às 20h45, e tem transmissão em direto na TVI.

Sérgio Pires