Sérgio Conceição, treinador do FC Porto, analisa a exibição de Sérgio Oliveira na goleada ao Sintrense (0-5), em jogo da Taça de Portugal no qual marcou dois golos e fez uma assistência:

[se era importante um jogo assim para Sérgio Oliveira ganhar confiança] «Não estou muito de acordo com isso. A confiança ganha-se com aquilo que fazem nos treinos. Temos treinado para ganhar confiança para jogar, e não jogar para ganhar confiança. O Sérgio já me conhece, sabe o que eu quero dele na organização coletiva, e depois vem ao cimo a qualidade dele. Um dos pontos fortes dele é a capacidade de rematar bem e aparecer na área.»

Nuno Travassos