"5G just got real" e chega com o iPhone 12. A Apple apresentou esta terça-feira a nova coqueluche da marca e uma das suas principais caraterísticas é a capacidade para suportar a tecnologia 5G, que deverá ser “mais rápida” e com "mais privacidade e segurança”.

Mais pequeno, mais leve e mais fino que o iPhone 11, o novo smartphone da Apple chega em cinco cores: preto, branco, vermelho e azul. 

No que toca a características, o telemóvel tem um ecrã Super Retina XDR, o dobro de pixels do último modelo, o novo processador A14 Bionic e o ecrã tem um "escudo de cerâmica", um material mais resistente do que o dos anteriores iPhones.

"Mais duro que qualquer vidro de smartphone”, garante a Apple.

Também a câmara do iPhone 12 apresenta novidades: sistema dual na câmara traseira com capacidade panorâmica de 120 graus e com melhor adaptação à falta de luz, lente com sete elementos e abertura f/1.6, e câmara frontal ultrawide e adaptada ao modo noturno.

Outra das novidades é o carregador MagSafe, que usa ímans que se alinham automaticamente para um melhor carregamento, e podem ser usados nos iPhone e nos Apple Watch,

Com o novo carregador (vendido em separado), muda a caixa do iPhone. A empresa anunciou que, dadas as preocupações com o meio ambiente, retirou os auscultadores e os telemóveis são agora entregues apenas com o cabo USB-C para Lightning.

"Para reduzir o impacto ambiental dos nossos produtos, o iPhone 12 Pro e o iPhone 12 Pro Max não incluem um adaptador de corrente nem EarPods. Use o seu adaptador de corrente e auscultadores da Apple atuais ou compre estes acessórios à parte", pode ler-se no site da Apple.

Para além do iPhone 12, a Apple apresentou o iPhone 12 mini: com 5,4 polegadas, com resistência à água e também com 5G. O iPhone 12 custará 929 euros, enquanto o iPhone 12 Mini vai custar 829 euros.

iPhone 12 Pro

Mas as novidades não se ficaram por dois telemóveis. A nova geração de telemóveis da Apple inclui também o iPhone 12 Pro e o iPhone 12 Pro Max.

Disponível em inox em quatro cores (branco, preto, dourado e azul), é o maior dos iPhones (6.7 polegadas contra as 6.5 do iPhone 11 Pro Max) alguma vez apresentado.

O iPhone 12 Pro vai custar 1.179 euros e o iPhone Pro Max vai custar 1.279 euros.

HomePod Mini

O speaker da Apple chegou. O HomePod Mini - a coluna que vai chamar a Siri e que é uma espécie de assistente doméstico - vai custar 99 dólares e ficará disponível a partir de 6 de novembro nos Estados Unidos. 

Andreia Miranda