A Faculdade de Engenharia do Porto acolhe, este fim-de-semana, uma competição em que seis dezenas de estudantes dispõem de 24 horas para criar um protótipo com materiais de baixo custo e resistente a vários tipos de testes, noticia a Lusa.

O tipo de protótipo que deve ser criado e os materiais que podem ser utilizados apenas serão divulgados no início da prova, mas, em anos anteriores, foram lançados desafios como a construção de pontes de esparguete ou faróis de palitos.

A prova, denominada 24 Hours BEST Engeneering Competition, tem 15 equipas inscritas, num total de 60 estudantes de ciências e engenharia da Universidade do Porto-

Trata-se de uma prova com um formato inovador, em que cada equipa tem que desenvolver e construir um protótipo em 24 horas, utilizando apenas materiais simples e a sua capacidade para resolver problemas complexos de engenharia.

O início da prova está marcado para as 14h00 de sábado e o final para as 14h00 de domingo, altura em que cada equipa terá cinco minutos para apresentar o seu protótipo e explicar ao júri como o construiu e em que princípios de engenharia se baseou.

Os protótipos construídos pelas equipas serão testados segunda-feira durante a tarde na Faculdade de Engenharia do Porto, onde podem ser apreciados por todos os interessados.

Os três primeiros classificados recebem prémios de valor superior a 400 euros, sendo as duas equipas melhor classificadas apuradas para a final nacional, que se realiza em Abril, em Lisboa.