O artista japonês Kokichi Sugihara ganhou o prémio de Melhor Ilusão de Ótica de 2020 por ter criado a "Escada Impossível", que não apenas engana o cérebro dando-lhe informações falsas, mas também impede que o órgão ative mecanismos para abandonar a ilusão e voltar à realidade.

De acordo com a CNN, Sugihara foi premiado pela sua versão em 3D da "Escadaria de Schröder", um desenho de 1958 do cientista alemão Heinrich Schröder. O desenho original é o de uma escada que, ao ser colocado virado ao contrário, mantém a percepção de que se trata da mesma escada.

A diferença do trabalho deste artista para o do cientista alemão é que a versão 3D é amparada por desenhos que reproduzem paredes laterais e colunas de apoio, que tornam mais difícil para o cérebro fazer a chamada 'mudança de Gestalt', quando o cérebro percebe que a conclusão à qual chegou não é necessariamente verdadeira e, então, passa a fazer outras suposições até se aproximar da realidade.

Lara Ferin