A conta de Instragram dos duques de Sussex - @sussexroyal - foi retirada a um adepto de futebol britânico, noticia a BBC.

Kevin Keiley, 55 anos, era o utilizador de @sussexroyal há três anos, mas, sem aviso, o Instagram retirou-lhe a conta, substituindo-a, no entanto, por outra semelhante @_sussexroyal_.

@sussexroyal pertence, agora, a Harry e Meghan e conta já com 4,3 milhões de seguidores (em apenas cinco dias). Aliás, logo no lançamento quebrou um recorde do mundo, tornando-se na conta a atingir um milhão de seguidores no mais curto espaço de tempo, ou seja, uma hora e 45 minutos.

Kevin Keiley, instrutor de condução, criou a conta a pensar no clube de futebol do seu coração, o Reading, também conhecido por "Royals", juntando-lhe a zona onde mora, West Sussex.

À BBC Radio 1, o Instagram confirmou que a conta foi alterada de acordo com a política da empresa, devido à sua inatividade.

Kevin Keiley admite que não tinha muitos seguidores e não fazia publicações com frequência, mas garante que não estava inativa, porque fazia "gostos" noutras publicações e seguia novas contas.

O britânico continua, porém, a ter uma conta com o mesmo nome no Twitter, conta essa que até agora ainda lhe pertence, mas que nos últimos dias ganhou centenas de seguidores, claramente à procura de seguir Harry e Meghan (no Twitter a sua conta é @pharry_meghan).

No entanto, Kevin Keiley está a pensar encerrar a conta no Twitter devido ao que diz ser alguma "perseguição" por parte de outros utilizadores.