As redes sociais estão a reagir com muito humor às declarações de Kellyanne Conway sobre as alegadas formas de vigilância de cidadãos. A conselheira de Donald Trump falou sobre “micro-ondas que se transformam em câmaras” e a Internet não perdeu a oportunidade de fazer piadas que se tornaram virais.

As declarações polémicas de Conway dizem respeito a uma entrevista ao jornal Bergen County Record, que foi publicada no domingo. A conselheira do líder norte-americano foi questionada sobre as alegadas escutas impostas por Barack Obama a Donald Trump, antes de este ter tomado posse.

“Sabe se a Trump Tower estava a ser alvo de escutas?”, peguntou o jornalista.

Ao que Conway respondeu:

“O que posso dizer é que é há muitos formas de vigilância, infelizmente. Foi publicado um artigo esta semana que falava sobre como se pode fazer escutas através dos telemóveis, através das televisões, de várias formas, micro-ondas que se transformam em câmaras, etc., por isso sabemos que isto é um facto da vida moderna.”

As palavras depressa começaram a correr as redes sociais, sobretudo a parte dos "micro-ondas que se transformam em câmaras", e as reações não se fizeram esperar. Utilizadores de todo o mundo deram largas à imaginação e um conjunto de montagens e memes cheios de humor tornaram-se virais.

A conselheira de Trump ainda tentou remediar a situação, na segunda-feira. Numa entrevista ao programa da ABC "Good Morning America", Conway afirmou que com aquelas palavras não queria dizer que Trump estava a ser vigiado por micro-ondas e que estava a falar sobre as formas de vigilância no geral. 

Entretanto, o líder norte-americano também reagiu à polémica. No Twitter, claro está, Trump acusou os media de serem cruéis com os membros da sua administração.

Esta não é a primeira vez que palavras de Kellyanne Conway causam polémica. A conselheira de Trump foi a autora da famosa expressão “factos alternativos”, que logo a seguir à tomada de posse de Donald Trump, também deu que falar nas redes sociais. 

Mais recentemente, imagens em que a conselheira de Trump surge numa pose muito descontraída numa audiência oficial  na Casa Branca também deram que falar.

Sofia Santana