A família de Neil Armstrong vai leiloar a coleção pessoal do astronauta, o primeiro a pisar a lua há 49 anos durante a missão Apollo 11, que reúne mais de dois mil objetos.

A coleção estará à venda em três leilões: o primeiro a 01 e 02 de novembro, o segundo a 09 e 10 de maio de 2019 e o terceiro em novembro de 2019, segundo a Heritage Auctions, que tem a sua sede em Dallas, no estado do Texas.

Entre os objetos a serem leiloados, há alguns medalhões da NASA, partes da hélice e da asa do avião dos irmãos Wright - o primeiro avião a voar em 1903 -, que Armstrong também transportou na Apollo 11 na missão com Edwin Aldrin e Michael Collins.

Além disso, nos lotes há um broche de ouro que Armstrong carregou na missão Gemini 8 em 1966, o seu primeiro voo para o espaço, e um boné de escuteiro que usava quando era criança.

A Auctions Heritage também destacou a correspondência, que inclui um documento que revela o plano da NASA para chegar à lua.

Armstrong, que morreu em 2012 aos 82 anos, fez história como o primeiro astronauta a pisar a superfície lunar a 20 de julho de 1969.

/ PP