Os EUA estão comprometidos em chegar ao planeta Marte dentro de 20 anos e vão mobilizar os seus recursos para essa finalidade, disse o chefe da NASA, Charles Bolden.

«Um voo tripulado para Marte é agora o destino final da humanidade no nosso sistema solar e é o foco da NASA«, disse Bolden, numa conferência de três dias em Washington (EUA), dedicada à conquista do planeta vermelho.

O chefe da NASA adiantou, como noticia a agência Lusa, que todo o programa de exploração espacial dos EUA está alinhado para apoiar a conquista de Marte.
Redação