Depois de, em novembro, o Instagram ter anunciado que ia reduzir o número de contas "não autênticas", esta quarta-feira, milhões de atualizadores depararam-se com uma redução drástica no número de seguidores nas contas. E, apesar de ainda não haver confirmação oficial, a culpa pode mesmo ser das contas falsas.

"Todos os dias vemos mais e mais parcerias entre criadores e negócios. (...) Para assegurar que essas parcerias continuam a proporcionar experiências reais e interações genuínas, vamos remover os gostos "não autênticos", seguidores e comentários de contas que usam aplicações de terceiros para gerar gostos falsos, seguidores e comentários que violam os nossos Termos de Utilização", lê-se no comunicado de 19 de novembro. 

Para alertar os seguidores do que ia acontecer, o Instagram publicou mesmo um aviso na aplicação onde alertava que deviam mudar a password porque tinham partilhado a senha com uma aplicação que fazia aumentar a audiência da conta.

O aviso do Instagram

Quase três meses depois, parece que a limpeza começou e, esta quarta-feira, milhões de seguidores desapareceram. Perante a quebra nas contas, muitos utilizadores recorreram ao Twitter para se queixar.

O Instagram já disse que está a par "do problema que está a causar uma mudança no número de seguidores", mas não explicou se se trata oficialmente de uma purga ou de um bug, como alguns utilizadores especulam (e esperam) que seja. Mas garantiu que está a ser resolvido.