Um britânico de 38 anos, que geria um site de partilha de links de vídeos pirateados, foi condenado a quatro anos de cadeia.

O Surfthechannel.com era um dos sites mais populares no Reino Unido até ser encerrado pelas autoridades.

Anton Vickerman foi considerado culpado por um tribunal de Newcastle de ter «facilitado» a infração de direitos de autor, ao disponibilizar ligações para vídeos protegidos.

Em 2009, o Surfthechannel.com atraia diariamente cerca de 400 mil visitantes, gerando receitas em publicidade de mais de 44 mil euros por mês, que eram enviados para uma conta na Letónia.
Redação