Foi um dos brinquedos mais famosos entre os Millenials, nos anos 90. O Tamagotchi surgiu como um videojogo portátil, numa altura em que ainda não existiam telemóveis repletos de funcionalidades didáticas, e cujo o objetivo primário era “cuidar” de uma pequena criatura virtual ao longo de toda a sua. A duração da experiência dependia da dedicação dada pelo utilizador ao seu “companheiro virtual”.

Agora, a Bandai America, criadora do Tamagotchi, está a preparar o seu regresso com uma versão rejuvenescida para o séc. XXI, o Tamagotchi Pix.

O Pix vai manter as características originárias do Tamagotchi: continua com um formato oval, tem três botões e objetivo é ainda “cuidar” de uma criatura de estimação virtual. 

Quanto às novidades, esta nova versão tem agora um ecrã a cores e uma câmara, que permite aos utilizadores tirar fotografias ao lado do seu amigo virtual e uma interação mais imersiva no momento de brincar com o mesmo. Adaptado aos novos tempos, a criatura poderá agora ser alimentada de duas maneiras: cozinhando ou mandado vir comida através de um sistema de entregas.

No entanto, o companheiro virtual vai continuar a exigir atenção, que por vezes pode parecer excessiva, pedindo comida e para brincar, acabando por morrer dias depois de o aparelho ter sido ligado.

Existe ainda um novo modo que permite aos utilizadores emparelhar os Tamagotchi Pix entre si, para que realizem atividades em conjunto. Esta conexão deverá ocorrer através de um “Tama Code”, que não requer nenhum tipo de ligação à internet, como Wi-Fi.

Esta nova versão do popular brinquedo dos anos 90 poderá ser comprada a partir de julho, nos Estados Unidos, e terá um custo de 59,99 dólares, cerca de 50 euros. Ainda não há uma data de lançamento nem um preço previstos para o território europeu. De acordo com os rumores que circulam nas redes sociais, o Tamagotchi Pix vai estar disponível em quatro cores diferentes.

Esta não é a primeira vez que o Tamagotchi se reinventa numa nova versão. Em 2017, ano em que o brinquedo celebrou 20 anos, a Bandai America lançou uma versão mini do brinquedo e, em 2019, foi também introduzido no mercado o Tamagotchi Go, mas só foi comercializado em território norte-americano.

Nuno Mandeiro