A Agência Espacial Europeia (ESA, na sigla em inglês) pretende adquirir uma nave espacial Soyuz à Rússia e já sondou Moscovo sobre a possibilidade aumentar a produção deste tipo de aparelho de quatro para cinco por ano.

De acordo com a BBC, a compra de uma Soyuz poderá ser feita a solo ou em parceria com o Canadá e surge da necessidade de continuar a enviar astronautas para a Estação Espacial Internacional mesmo depois do fim de vida previsto do vaivém norte-americano - que deverá acontecer entre 2010 e 2011.



A ESA espera poder contar com um aparelho espacial Soyuz dentro de quatro anos. «A partir de 2013, esperamos ter pelo menos um astronauta europeu por ano no espaço e isto pode ser feito de várias maneiras. Uma delas é comprar a nave Soyuz», disse à BBC Simonetta Di Pippo, directora de voos espaciais tripulados da ESA.