20 anos depois da morte de seis portugueses em Fortaleza

Faz esta quinta-feira 20 anos que o país assistia ao crime de Fortaleza, em que seis portugueses foram assassinados, com violência, no Brasil. Luís Miguel Miitão mandou matar os compatriotas, depois de os sequestrar e de lhes roubar dinheiro e cartões de crédito. Premeditou o crime. As seis vítimas foram torturadas

Sobre "Jornal da Uma"