“A lei não permite a inseminação post-mortem”

Rita Lobo Xavier explica que o caso de Ângela e Hugo seria completamente diferente caso o casal tivesse criogenizado embriões em vez dos gâmetas masculinos (espermatozoide) de Hugo. Como isso não aconteceu, a lei portuguesa não permite que existe inseminação pós-morte.

Sobre "21ª Hora"