"A vacina da Pfizer deve ser aprovada já no dia 12 de dezembro"

Pedro Caetano, cientista fármaco-imunologista que trabalha numa farmacêutica multinacional em Oxford, Inglaterra, confessou estar confiante com os resultados dos estudos preliminares das vacinas contra a covid-19 da “Pfizer” e da “Moderna”.

Contudo, o especialista lembrou que serão precisos pelo menos dez meses para o Reino Unido, que já tem um plano de vacinação fiável, conseguir vacinar 65% da população, o mínimo necessário para alcançar a imunidade de grupo.

Sobre "Notícias"