Afastamento de António Mexia e Manso Neto da EDP: “Há aqui uma suspensão ilegal”

O advogado de defesa de António Mexia não entende como foi possível o juiz Carlos Alexandre afastar o seu cliente e Manso Neto dos cargos de gestores na EDP e EDP Renováveis, uma vez que se tratam de empresas privadas.

João Medeiros classificou a decisão do tribunal como uma “suspensão ilegal”, visto que nem a EDP nem a EDP Renováveis prestam serviço público.

Sobre "Jornal das 8"