Ainda há centenas de pessoas retidas no Afeganistão

Esta quinta-feira cerca de 200 pessoas, entre americanos, portadores do cartão verde para entrada nos EUA, mas também alemães, húngaros e canadianos, descolaram de Cabul com destino a Doha, no Catar. Mas Blinken disse que estão a pressionar os talibãs para que seja permitida a saída de centenas de pessoas que continuam retidas na cidade de Mazar-e-Sharif e na capital, onde já chegaram aviões charter para as transportar. Os talibãs têm alegado que lhes faltam os papéis para viajarem.

Sobre "Jornal das 8"