Alemanha: cientistas previram cheias uma semana antes, mas nada foi feito

Na Alemanha, pelo menos 165 pessoas morreram e cerca de mil continuam desaparecidas na sequência das cheias. Sabe-se agora que um grupo de cientistas tinha avisado as autoridades, com mais de uma semana de antecedência.

Sobre "Jornal das 8"