Angola: medo impera após “grave massacre”

Depois do “grave massacre” na Lunda Norte, no sábado, a população angolana admite estar com medo.

O incidente aconteceu durante uma manifestação convocada pelo movimento protectorado da Lunda Tchokwe.

Sobre "Jornal das 8"