António Costa admite despedimentos na TAP

O primeiro-ministro destaca o grande esforço feito para viabilizar a TAP, sem recorrer à nacionalização e admitiu, esta sexta-feira, que haverá despedimentos na empresa.

Sobre "Notícias"